Pular para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade
Seu Verão também é aqui

Alepe instala frente parlamentar para estreitar relações com a China

Postado em 10 de abril de 2024

Estreitar relações comerciais e institucionais, além de ampliar o intercâmbio cultural, tecnológico e de governos entre o estado de Pernambuco e a segunda maior economia mundial. Esses são os objetivos da Frente Parlamentar Pernambuco-China, instalada na noite desta terça (9) na Alepe. O evento contou com a presença da cônsul-geral da República Popular da China no Recife, Lan Heping, e de representantes dos governos Federal, Estadual e Municipal, de diversos setores, como indústria, comércio, educação, saúde, cooperativismo, entre outros. 

Na abertura dos trabalhos, o coordenador da Frente, deputado Waldemar Borges (PSB), destacou que, embora a China seja o principal parceiro comercial do Brasil, com transações que somaram 158 bilhões de dólares em 2023, Pernambuco ainda tem uma balança comercial tímida com o país asiático, da ordem de 509 milhões de dólares, comprando muito mais do que vendendo para a China, ao contrário do Brasil. 


“A gente precisa avançar muito, daí a importância do que a gente inaugura aqui hoje. Para que a gente possa fazer do que hoje é uma desvantagem, o baixo volume de vendas para China, uma grande oportunidade. Porque se o número é pequeno, revela uma grande estrada a ser percorrida. A gente espera e vai trabalhar para que, além do campo institucional, isso seja ampliado e ganhe outras dimensões para que a gente possa inserir Pernambuco de uma maneira mais forte nessa relação com esse país que hoje é a grande potência mundial ”, enfatizou o deputado.

O coordenador da Frente, Waldemar Borges, sugeriu ainda homenagear o senador Ney Maranhão, pedindo para que o nome do político pernambucano seja incluído no nome da Frente. “Ele foi um visionário no estreitamento das relações comerciais entre os dois países há mais de 30 anos, lembrou. A homenagem foi endossada por diversos parlamentares e convidados. 


A cônsul-geral da China em Pernambuco, Lan Heping, lembrou que neste ano é celebrado o 50º aniversário das relações diplomáticas entre Brasil e China. Em seu discurso, ela se disse feliz com o lançamento da nova parceria. “Acreditamos que esta Frente Parlamentar poderá cumprir com sua promessa de promover o intercâmbio e a cooperação entre a China e Pernambuco em todas as áreas, beneficiando os dois povos e impulsionando a relação China-Brasil”, disse. Ela também expressou o desejo de trabalhar junto ao colegiado para promover benefícios recíprocos na economia, comércio, ciência, tecnologia, cultura e educação. 

A secretária executiva de Relações Internacionais do Governo de Pernambuco, Rayane Aguiar, também celebrou a parceria. Ela reforçou o interesse em ampliar as relações com os chineses em áreas como o enfrentamento à pobreza e o combate à fome. “A gente tem muito a aprender com a China no enfrentamento desses dois desafios e também no processo de transição para uma nova economia mais inclusiva e sustentável”, destacou.


O representante da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco (Fiepe), Abraão Rodrigues, e o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Pernambuco (Fecomércio-PE), Bernardo Peixoto, se colocaram à disposição do colegiado para a realização de missões, visitas técnicas e cooperações que visem o desenvolvimento da indústria e dos negócios entre Pernambuco e China. 

Já o representante da Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (ApexBrasil), Sérgio Ferreira, lembrou que a instituição tem escritórios na China há 15 anos e colocou a entidade à disposição para contribuir no que for necessário para a Frente. “A ApexBrasil trabalha no seu mandato com promoção de exportações e atração de investimentos estrangeiros. O desequilíbrio da balança comercial acontece em alguns estados do Nordeste e Pernambuco é um dos estados onde a importação é mais representativa. Então entendo que há bastante potencial nessa relação com a China”, reforçou.


Dimensão Cultural e acadêmica 
A Frente Parlamentar também quer ser uma incentivadora de parcerias nas áreas cultural e acadêmica. O vice-reitor da Universidade de Pernambuco (UPE), José Roberto Cavalcanti, destacou a parceria de dez anos com o Instituto Confúcio, que promove o ensino da língua e da cultura chinesa no Estado. Ele externou o interesse em levar a instituição também para o Interior do Estado. 
Já o assessor do reitor da UFPE, Pedro Rosas, informou que a universidade também tem todo o interesse de participar ativamente da Frente, com uma cooperação tecnológica, científica e de infraestrutura com a China. “Estamos à disposição para auxiliar e dar todo o suporte que for possível a essa Frente”, enfatizou.

Também participaram da reunião representantes da Prefeitura do Recife, Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação, Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene), Banco do Nordeste (BNB) e Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB).


Parlamentares
Presidente da Comissão de Assuntos Internacionais da Alepe e membro da Frente Parlamentar, o deputado Lula Cabral (Solidariedade) parabenizou a iniciativa. “A Alepe está pronta para interagir com o Governo da China e com todos aqueles que queiram investir no estado de Pernambuco”, frisou. 

Os deputados Edson Vieira (União), Gilmar Júnior (PV), Henrique Queiroz Filho (PP) e Mário Ricardo (Republicanos), externaram interesse em aumentar o diálogo com a China em setores como o de confecções, saúde, agricultura e turismo. Também participaram da reunião de instalação os deputados Fabrizio Ferraz (Solidariedade) e João Paulo (PT). Ainda integram o colegiado a deputada Delegada Gleide Ângelo e os deputados Diogo Moraes (PSB) e Joãozinho Tenório (PRD).


Com informações da Assembleia Legislativa de Pernambuco

Fotos: Lu Rocha

Comentários

Prefeitura de Gravatá

Postagens mais visitadas deste blog

OUTUBRO ROSA

Postado em 04 de outubro de 2023 Inteligência Artificial e rastreamento personalizado são os novos aliados no combate ao câncer de mama   O combate ao câncer de mama ganhou uma poderosa aliada: a inteligência artificial. É uma notícia alentadora em meio ao crescimento de taxas de câncer de mama em países como o Brasil e surge como reforço ao movimento internacional Outubro Rosa. Nenhuma tecnologia substitui o cuidado humanizado com a saúde da mulher, mas especialistas destacam que a Inteligência Artificial (IA) tem feito grande diferença na rotina diagnóstica, ajudando a melhorar a qualidade das imagens e apontando achados sutis que podem mostrar o câncer em estágios iniciais. O indicativo é que a IA pode contribuir a partir dos algoritmos de “deep learning”, com o objetivo de potencializar o aprendizado de máquinas, utilizando técnicas avançadas que empregam um raciocínio similar ao ser humano, fazendo com que as máquinas aprendam padrões por meio das redes neu

Atenção!

Postado em 19/04/23 A Prefeitura de Gravatá informa que na manhã desta quarta-feira (19), um jacaré foi capturado na Rua Quintino Bocaíuva, próximo ao Rio Ipojuca. A equipe da Guarda Municipal passava no local quando foi comunicada e, ao isolar o local, acionou o Corpo de Bombeiros para a captura do animal. Alertamos a todos que se avistarem algum animal selvagem, não se aproximem e acionem imediatamente a equipe da Defesa Civil, Guarda Municipal ou Corpo de Bombeiros para realizar a captura. Mantenha-se seguro e alerta em sua comunidade, e sempre comunique às autoridades caso observe algum animal que possa representar um risco. Juntos, podemos manter nossa cidade segura! Gravatá, 19 de abril de 2023. - Defesa Civil e Guarda Municipal 0800 000 1379 - Bombeiros Militar 193

Grupamento de Bombeiros do 1º GB realizou Treinamento Integrado de Resgate em Gravatá

Postado em 29 de maio de 2024 Participaram da atividade a Defesa Civil, o Samu, a Polícia Militar, a Guarda Civil Municipal e a Secretaria de Saúde O Grupamento de Bombeiros do 1° GB organizou uma iniciativa importante, reunindo diversas entidades para uma aula teórica seguida de treinamento integrado e prático. A instrução de resgate em Áreas Inundadas e Sistema de Comando de Incidentes (SCI) aconteceu segunda-feira (27) no quartel dos bombeiros de Gravatá. Participaram da atividade a Defesa Civil, o Samu, a Polícia Militar, a Guarda Civil Municipal e a Secretaria de Saúde. Este treinamento é o primeiro passo para a realização de ações práticas que envolvem instituições da linha de frente em cenários de desastres, promovendo a cooperação e aprimoramento das técnicas de resgate e resposta a emergências. Reportagem: Mathilde Souza com colaboração da Defesa Civil Fotos: cortesia da Defesa Civil