Pular para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade
Seu Verão também é aqui

Prefeito Joselito entrega termo de adoção de área verde ao GERAR

Postado em 02 de junho de 2023

Espaço já é cuidado há anos pelo Grupo Educacional Recrearte, que plantou as árvores no local e que agora poderá cuidar do espaço em definitivo

Na manhã da sexta-feira (02), o prefeito Joselito Gomes e o secretário de Obras e Serviços Públicos, Ricardo Malta, foram à unidade do Grupo Educacional Recrearte - GERAR no bairro Jardim Petrópolis para realizarem a formalização definitiva do termo de adoção de uma área verde que fica em frente à instituição de ensino.


A escola, que já tem uma história de 28 anos no município, tem como uma de suas grandes bandeiras a sustentabilidade, desde o descarte correto e seletivo, até o plantio de árvores. O terreno público que fica na frente do GERAR foi transformado em área verde pela escola há mais de 10 anos com o plantio de cerca de 30 mudas de árvores da região que foram colocadas no local depois de um estudo agronômico feito para determinar as melhores espécies para arborizarem o espaço.

O prefeito e o secretário foram recebidos pela diretora, Tita Viegas, e pelo vice-diretor, Gabriel Viegas que aproveitaram para mostrar aos dois um pouco da exposição de trabalhos dos alunos “Você tem fome de quê?”.


Logo após, todos seguiram para a diretoria, onde assinaram o termo de adoção, que já foi pleiteado em diversas gestões anteriores e que, apenas agora, na gestão de Joselito Gomes, foi concretizado. Conversaram sobre sustentabilidade, desenvolvimento do município e o prefeito recebeu, das mãos de uma aluna, um texto de agradecimento e um livro.


A diretora Tita Viegas fala, com emoção, da alegria de assinar o termo de adoção. ”É um privilégio, porque esse é um sonho sonhado junto. A escola nasceu com a proposta de preservação, cuidado, porque é uma extensão da nossa vida. Como muito bem disse o prefeito Joselito, a humanidade precisa da natureza, nós precisamos estar com nossa qualidade de vida. Então, é um projeto antigo e que, finalmente, nessa gestão, nós conseguimos realizar que é a adoção de uma praça que é mais um pulmão para o nosso município. Nós temos uma referência em cuidado com o meio ambiente, com a preservação e esse é um dos nossos objetivos enquanto escola: trabalhar isso na comunidade a partir da nossa comunidade familiar dos alunos. Um sonho sonhado junto é muito bom e com apoio é melhor ainda.”


O prefeito Joselito Gomes descreve a importância e o simbolismo desse momento. ”Posso dizer que é um ganho para o município, para a nossa população, principalmente nossas crianças, adolescentes e jovens. Que eles possam ser formados dentro da lógica do cuidado e nada melhor do que o GERAR, que já vem construindo esse caminho há alguns anos, uma construção coletiva e hoje aqui, diante da escola, poder adotar esse espaço público para que seja mais um pulmão cravado na cidade de Gravatá. Toda a ação que possa resultar na qualidade de vida será sempre bem-vinda. Este momento é muito simbólico, significativo, parabenizando de coração Tita e toda a sua equipe, os alunos, familiares, pois é esse o caminho que precisamos continuar construindo e assim vamos avançando, porque nosso compromisso é com as pessoas.”


Reportagem: Filipe Vasconcelos
Fotos: Nilson Silva (SECOM)

Comentários

Prefeitura de Gravatá

Postagens mais visitadas deste blog

OUTUBRO ROSA

Postado em 04 de outubro de 2023 Inteligência Artificial e rastreamento personalizado são os novos aliados no combate ao câncer de mama   O combate ao câncer de mama ganhou uma poderosa aliada: a inteligência artificial. É uma notícia alentadora em meio ao crescimento de taxas de câncer de mama em países como o Brasil e surge como reforço ao movimento internacional Outubro Rosa. Nenhuma tecnologia substitui o cuidado humanizado com a saúde da mulher, mas especialistas destacam que a Inteligência Artificial (IA) tem feito grande diferença na rotina diagnóstica, ajudando a melhorar a qualidade das imagens e apontando achados sutis que podem mostrar o câncer em estágios iniciais. O indicativo é que a IA pode contribuir a partir dos algoritmos de “deep learning”, com o objetivo de potencializar o aprendizado de máquinas, utilizando técnicas avançadas que empregam um raciocínio similar ao ser humano, fazendo com que as máquinas aprendam padrões por meio das redes neu

Atenção!

Postado em 19/04/23 A Prefeitura de Gravatá informa que na manhã desta quarta-feira (19), um jacaré foi capturado na Rua Quintino Bocaíuva, próximo ao Rio Ipojuca. A equipe da Guarda Municipal passava no local quando foi comunicada e, ao isolar o local, acionou o Corpo de Bombeiros para a captura do animal. Alertamos a todos que se avistarem algum animal selvagem, não se aproximem e acionem imediatamente a equipe da Defesa Civil, Guarda Municipal ou Corpo de Bombeiros para realizar a captura. Mantenha-se seguro e alerta em sua comunidade, e sempre comunique às autoridades caso observe algum animal que possa representar um risco. Juntos, podemos manter nossa cidade segura! Gravatá, 19 de abril de 2023. - Defesa Civil e Guarda Municipal 0800 000 1379 - Bombeiros Militar 193

Fortes chuvas

Postado em 25/05/22 Alepe suspende trabalhos presenciais, mas mantém expediente remoto A Assembleia Legislativa de Pernambuco decidiu suspender o expediente presencial nesta quarta-feira (25/05) em virtude das fortes chuvas que atingem o Recife e a Região Metropolitana do Estado. As atividades administrativas, no entanto, estão mantidas de forma remota para não comprometer a gestão da Casa.  “Diante dos riscos que a chuva traz com alagamentos e outros transtornos, a prioridade deve ser a segurança. Temos condições de manter as atividades de forma remota, preservando a integridade dos servidores e seguindo com nossas tarefas no Legislativo”, informou o presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PSB).  As reuniões das comissões, assim como a sessão plenária, previstas para esta quarta, serão retomadas na próxima semana. Para amanhã, a biblioteca da Alepe promove mais uma edição do “Clube da Leitura” com debate sobre a obra de Michel A. Singer: “A alma indomá