Pular para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade
Seu Verão também é aqui

Coluna do Rod Silva: GRAVATÁ – AMOR E LEMBRANÇAS

Postado em 19 de março de 2024

GRAVATÁ! 131 ANOS DE AMOR E DOCES LEMBRANÇAS.

Trago comigo a doce lembrança, daqueles dias de janeiro e de luz tão mansa, que traziam consigo o anúncio de que a Festa de Reis se abeirava. O Pátio da Feira já se preparava para dar lugar aos parques de diversões e eu sempre arrumava um jeito de passar por lá, só para ver a montagem dos brinquedos. Tu, Gravatá, tornava-se ainda mais encantadora e o Agreste inteiro vinha te visitar e prestigiar no Dia de Reis. 


A alegria esborrava por tuas ruas e eu, alheio a tudo, observava as crianças que se divertiam nos brinquedos. Por não ter condições e para aplacar a tristeza, à distância fitava aquela alegria e fingia ser eu quem ali estava nos brinquedos. A imaginação de uma criança, muitas vezes, é uma armadura aos percalços que a vida lhe impõe... tem algo de errado com os meus olhos...

Quando março chegava, por entre as tuas montanhas azuis, sentia o vento frio que bailava ao ritmo daquelas tardes de chuvas, adornadas por um céu plúmbeo e entoando seu carão, carregando a alegria e o prenúncio que vinha trazer alento, com a promessa de colheita farta: milho, algodão e feijão. Era o Dia de São José e o teu Aniversário de Emancipação. 


Com a colheita farta, as tuas Festas Juninas ganhavam um requinte ainda maior. Aqueles dias de fogueira traziam uma ansiedade contida em nós, mas que transpirava da nossa alma em forma de alegria. Desde cedo, sentíamos o cheiro do milho verde vindo da cozinha, que findava por se transformar em delícias juninas. E quando o dia “morria” para dar lugar a noite, tu ardias em fogueiras incandescentes e o teu céu se enfeitava com balões aleatórios, levados pelo vento. 

Sentávamos agasalhados nas calçadas a espreitar os balões, e enquanto a noite ia abraçando a madrugada, a fogueira ia morrendo e o frio do Planalto da Borborema nos açoitava. A essa altura, tu já começavas a adormecer e apenas os sons do Forró eram ouvidos ao longe. E a noite ia partindo; fugindo, fugindo para outro lugar...


No dia que parti em direção à linha do horizonte rumo ao mar, vi a tua imagem agreste diminuir pelo retrovisor e quanto mais me afastava de ti, mais a tristeza de deixar-te apertava em meu peito. Junto com a saudade, levei o teu cheiro, o teu clima e as tuas montanhas azuis em dias de chuva. Guardei para sempre no lado esquerdo dentro do peito... no coração. 

Pelos longes aonde vou, tu sempre estás comigo, como a me guiar por um Norte que sempre me trará de volta às tuas terras abençoadas, as quais sempre me trazem a doce lembrança daquelas tardes plúmbeas, trazendo consigo o cheiro do cuscuz e o bailar do vento em parceira constante com a chuva... por entre as tuas eternas montanhas azuis. 

 GRAVATÁ! 131 ANOS DE AMOR E DOCES LEMBRANÇAS.

Comentários

Prefeitura de Gravatá

Postagens mais visitadas deste blog

OUTUBRO ROSA

Postado em 04 de outubro de 2023 Inteligência Artificial e rastreamento personalizado são os novos aliados no combate ao câncer de mama   O combate ao câncer de mama ganhou uma poderosa aliada: a inteligência artificial. É uma notícia alentadora em meio ao crescimento de taxas de câncer de mama em países como o Brasil e surge como reforço ao movimento internacional Outubro Rosa. Nenhuma tecnologia substitui o cuidado humanizado com a saúde da mulher, mas especialistas destacam que a Inteligência Artificial (IA) tem feito grande diferença na rotina diagnóstica, ajudando a melhorar a qualidade das imagens e apontando achados sutis que podem mostrar o câncer em estágios iniciais. O indicativo é que a IA pode contribuir a partir dos algoritmos de “deep learning”, com o objetivo de potencializar o aprendizado de máquinas, utilizando técnicas avançadas que empregam um raciocínio similar ao ser humano, fazendo com que as máquinas aprendam padrões por meio das redes neu

Atenção!

Postado em 19/04/23 A Prefeitura de Gravatá informa que na manhã desta quarta-feira (19), um jacaré foi capturado na Rua Quintino Bocaíuva, próximo ao Rio Ipojuca. A equipe da Guarda Municipal passava no local quando foi comunicada e, ao isolar o local, acionou o Corpo de Bombeiros para a captura do animal. Alertamos a todos que se avistarem algum animal selvagem, não se aproximem e acionem imediatamente a equipe da Defesa Civil, Guarda Municipal ou Corpo de Bombeiros para realizar a captura. Mantenha-se seguro e alerta em sua comunidade, e sempre comunique às autoridades caso observe algum animal que possa representar um risco. Juntos, podemos manter nossa cidade segura! Gravatá, 19 de abril de 2023. - Defesa Civil e Guarda Municipal 0800 000 1379 - Bombeiros Militar 193

Fortes chuvas

Postado em 25/05/22 Alepe suspende trabalhos presenciais, mas mantém expediente remoto A Assembleia Legislativa de Pernambuco decidiu suspender o expediente presencial nesta quarta-feira (25/05) em virtude das fortes chuvas que atingem o Recife e a Região Metropolitana do Estado. As atividades administrativas, no entanto, estão mantidas de forma remota para não comprometer a gestão da Casa.  “Diante dos riscos que a chuva traz com alagamentos e outros transtornos, a prioridade deve ser a segurança. Temos condições de manter as atividades de forma remota, preservando a integridade dos servidores e seguindo com nossas tarefas no Legislativo”, informou o presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PSB).  As reuniões das comissões, assim como a sessão plenária, previstas para esta quarta, serão retomadas na próxima semana. Para amanhã, a biblioteca da Alepe promove mais uma edição do “Clube da Leitura” com debate sobre a obra de Michel A. Singer: “A alma indomá