Pular para o conteúdo principal

Publicidade

Publicidade
Seu Verão também é aqui

Coluna do Rod Silva: HÁ 80 ANOS, CANTANDO NA BEIRA DA PRAIA

Postado em 15 de janeiro de 2024

O destino me levou para morar longe, mas o desejo de ver de perto a Cirandeira da Ilha da pedra que canta (Itamaracá)

Lembro-me bem daquelas noites de sábado em Gravatá nos anos 80, as quais sempre traziam consigo uma roda de ciranda que acontecia na Rua Joaquim Nabuco, por trás do Pátio da Feira. Colocava-se uma jangada no meio da rua e os brincantes dançavam Ciranda por horas a fio. 


Eu sempre participava das Rodas de Ciranda em Gravatá, com o objetivo maior de ver Lia de Itamaracá, uma vez que a minha mãe sempre me dizia que Lia estaria presente no festejo. Infelizmente eu nunca vi a Lia... 

O destino me levou para morar longe, mas o desejo de ver de perto a Cirandeira da Ilha da pedra que canta (Itamaracá), nunca saiu do meu horizonte. Lia de Itamaracá é Patrimônio Imaterial da Cultura de Pernambuco. Uma Mestra! 

Ela acaba de completar 80 anos de vida e as comemorações se estenderão por todo o ano de 2024. Além disso, a nossa Cirandeira Maior será tema do enredo das Escolas de Samba Nenê de Vila Matilde, de São Paulo, e Império da Tijuca, do Rio de Janeiro. Ao lado de Alceu Valença e Claudionor Germano, Lia de Itamaracá será homenageada no Carnaval de Pernambuco deste ano. 


Todas essas honrarias e homenagens à Lia de Itamaracá, são frutos de uma vida de muita luta, coragem, provações, preconceito e resiliência. Segundo a própria Lia: “Lia é resistente.” Somos todos gratos à persistência dessa mulher preta ancestral, pois com sua perseverança e luta, a Ciranda ganhou os palcos do Brasil e do Mundo, como um ato de justiça do próprio tempo... O tempo de Iemanjá...

Sempre imagino que o meu encontro com Lia será em uma noite de lua cheia, lá em Jaguaribe, na Ilha de Itamaracá. Quero encontrá-la na beira da praia, vestida de azul, ouvindo as quebradas do mar e tendo a nossa Mãe Iemanjá como testemunha desse encontro plural, ancestral... África! 


E aquelas Noites de Ciranda em Gravatá não mais existem. Hoje, impera o silêncio nas noites de sábado por trás do Pátio da Feira. Mas continua viva, comigo, a batida cadenciada daquela Ciranda e a alegria dos brincantes, que dançavam ao redor daquela jangada no meio da rua... enquanto eu procurava em vão, pela presença sagrada de Lia...

Aos que trazem a Ancestralidade Africana na alma, ainda é possível ouvir o ecoar da Ciranda que era tocada aos sábados naquelas noites cheias de calor humano e cultura, e que hoje, são apenas lembranças que bailam com o vento do nosso imaginário, nas noites frias... em Gravatá!!! ODOYÁ!!!

Comentários

Prefeitura de Gravatá

Postagens mais visitadas deste blog

OUTUBRO ROSA

Postado em 04 de outubro de 2023 Inteligência Artificial e rastreamento personalizado são os novos aliados no combate ao câncer de mama   O combate ao câncer de mama ganhou uma poderosa aliada: a inteligência artificial. É uma notícia alentadora em meio ao crescimento de taxas de câncer de mama em países como o Brasil e surge como reforço ao movimento internacional Outubro Rosa. Nenhuma tecnologia substitui o cuidado humanizado com a saúde da mulher, mas especialistas destacam que a Inteligência Artificial (IA) tem feito grande diferença na rotina diagnóstica, ajudando a melhorar a qualidade das imagens e apontando achados sutis que podem mostrar o câncer em estágios iniciais. O indicativo é que a IA pode contribuir a partir dos algoritmos de “deep learning”, com o objetivo de potencializar o aprendizado de máquinas, utilizando técnicas avançadas que empregam um raciocínio similar ao ser humano, fazendo com que as máquinas aprendam padrões por meio das redes neu

Atenção!

Postado em 19/04/23 A Prefeitura de Gravatá informa que na manhã desta quarta-feira (19), um jacaré foi capturado na Rua Quintino Bocaíuva, próximo ao Rio Ipojuca. A equipe da Guarda Municipal passava no local quando foi comunicada e, ao isolar o local, acionou o Corpo de Bombeiros para a captura do animal. Alertamos a todos que se avistarem algum animal selvagem, não se aproximem e acionem imediatamente a equipe da Defesa Civil, Guarda Municipal ou Corpo de Bombeiros para realizar a captura. Mantenha-se seguro e alerta em sua comunidade, e sempre comunique às autoridades caso observe algum animal que possa representar um risco. Juntos, podemos manter nossa cidade segura! Gravatá, 19 de abril de 2023. - Defesa Civil e Guarda Municipal 0800 000 1379 - Bombeiros Militar 193

Fortes chuvas

Postado em 25/05/22 Alepe suspende trabalhos presenciais, mas mantém expediente remoto A Assembleia Legislativa de Pernambuco decidiu suspender o expediente presencial nesta quarta-feira (25/05) em virtude das fortes chuvas que atingem o Recife e a Região Metropolitana do Estado. As atividades administrativas, no entanto, estão mantidas de forma remota para não comprometer a gestão da Casa.  “Diante dos riscos que a chuva traz com alagamentos e outros transtornos, a prioridade deve ser a segurança. Temos condições de manter as atividades de forma remota, preservando a integridade dos servidores e seguindo com nossas tarefas no Legislativo”, informou o presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PSB).  As reuniões das comissões, assim como a sessão plenária, previstas para esta quarta, serão retomadas na próxima semana. Para amanhã, a biblioteca da Alepe promove mais uma edição do “Clube da Leitura” com debate sobre a obra de Michel A. Singer: “A alma indomá